sábado, 5 de setembro de 2009

Despedida...

É com grande pesar que nós do Carnaval em Foco informamos o encerramento de nossas atividades.

Muitas foram as tentativas para tornar viável um projeto no qual acreditamos e valorizamos, entretanto não tivemos outra saída senão a paralisação. Nós da equipe não tivemos como conciliar a paixão pelo carnaval e as oportunidade profissionais que a vida nos ofereceu.

Agredecemos imensamente a todos que nos acompanharam e nos deram força. O apoio de vocês, amigos internautas, era nosso estímulo para investir nesse sonho.

Esperamos reencontrá-los em breve, com força total, nesse mesmo canal.

Com um carinho todo especial,


Equipe Carnaval em Foco

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Raízes da Tijuca anuncia enredo

O G.R.B.C. Raízes da Tijuca definiu o enredo para o carnaval de 2010. "Brasil Mestiço.Das Origens Raciais Brasileiras à Cultura Popular" é de autoria do carnavalesco Oziene Furtado.

O objetivo é contar de uma forma real e verdadeira a importância do negro e do índio para a formação da cultura popular brasileira, relatando as heranças culturais desde a chegada dos negros da África até a união das raças, como o branco, negro e índios.
.
.
.

Caprichosos inaugura projeto “Pavilhão do Futuro”

A Caprichosos de Pilares dá início ao projeto “Pavilhão do Futuro” no próximo sábado, dia 05. O projeto visa ensinar a arte do bailado do casal de Mestre-Sala e Porta-Bandeira a crianças, jovens e adultos.

As aulas são gratuitas e os encontros vão acontecer na quadra de ensaios da agremiação, de 14 às 18 horas.

A quadra da escola fica na Rua Faleiros - 01 - Pilares.
.
.
.

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Eliminatórias de sambas em Santa Cruz

O G.R.E.S. Acadêmicos de Santa Cruz dá início às suas eliminatórias de sambas que vai escolher o samba oficial da escola para o Carnaval 2010. Neste sábado, 29, serão apresentados os 11 sambas concorrentes inscritos na disputa. A apresentação dos sambas tem início às 21:00h.

O enredo é “Nos Passos do Compasso” e vai ser desenvolvido pela comissão de carnaval formada por André Marins, Munir Nicolau,Carlos Muvuca e Ricardo Dennis.

A entrada é franca.
.
.
.

Rocinha apresenta novo intérprete

O G.R.E.S. Acadêmicos da Rocinha tem novo intérprete para o carnaval 2010. Silas Antônio Malheiros, mais conhecido como Leléu, será a voz oficial da agremiação na Marquês de Sapucaí em busca da vaga no Grupo Especial. Ele será apresentado à comunidade na 1ª eliminatória do Samba-Enredo, no dia 12 de setembro, na quadra, em São Conrado.

O vencedor de três prêmios como melhor intérprete nos últimos três anos promete ser pé quente e mostrar muita garra na Passarela para levar à Acadêmicos da Rocinha de onde não deveria ter saído. De ritmista a intérprete da antiga G.R.E.S. Independente da Praça da Bandeira passaram-se mais de 20 anos. Natural de São João do Meriti, Leléu revelou que já "namorava” a quadra da Princesinha da Zona Sul há algum tempo.

"Eu trabalhava em São Conrado e passava todos os dias em frente à quadra. Ficava olhando e namorando a sede lá do lado de fora. É uma grande felicidade poder representar este pavilhão, tenho como objetivo ajudá-la a retornar ao Grupo Especial. Chego à escola com muita garra e força de vontade”, disse Leléu, que também foi indicado a este posto por Anderson Paz, ex- intérprete da Borboleta.

"O Anderson só me disse coisas boas da Rocinha e eu fiquei feliz por ele também ter me indicado. Gostaria de agradecer ao Pedro Arídio (diretor de carnaval), ao Maurão (mestre de bateria), ao Naval (presidente da ala dos compositores) e ao presidente Maurício Mattos pelo apoio e pelo carinho com que eles me receberam”, completou.

Leléu promete fazer uma boa dobradinha com a bateria nota 10 do Mestre Maurão na Sapucaí.

"Como fui ritmista durante muitos anos, tenho uma forte ligação com a bateria. Essa integração é bem legal e muito importante. Ao lado dos intérpretes de apoio, vou me empenhar ao máximo para ajudar a Rocinha garantir a nota máxima no quesito samba-enredo. Tenho certeza que formaremos um grande time”, apostou Leléu.

Nome: Silas Antônio Malheiros
Idade: 41 anos
Natural: São João do Meriti (RJ)
Escolas de Samba: G.R.E.S Independente da Praça da Bandeira (2006 a 2008) e G.R.E.S. Arranco de Engenho de Dentro (2009)
Prêmios como Melhor Intérprete: Troféu Jorge Lafond (2007 e 2009) e S@mbanet (2008).
Texto: Divulgação
.
.
.

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Inscrição dos sambas na Alegria da Zona Sul acontece no próximo sábado



A Alegria da Zona Sul recebe no próximo sábado, 29 de agosto, das 14 às 22 horas, os sambas concorrentes para o carnaval 2010. As inscrições serão realizadas no barracão de alegorias da escola, com 20 cópias da letra do samba e mais o valor de R$ 50 reais para a gravação. Na ocasião será realizada a audição e gravação dos sambas.

O enredo para o próximo carnaval é “No mundo da fantasia, vejo as cores da Alegria”, de autoria do carnavalesco Lane Santana.

O barracão da escola fica na Rua Equador, 250, Santo Cristo.
.
.
.

Sábado tem mais uma edição do Contos de Bamba

Foto: Divulgação
Contos de Bamba é o encontro realizado sempre no último sábado de cada mês na Escola de Mestre-Sala, Porta-Bandeira e Porta-Estandarte comandada por Manoel Dionísio. No mês de agosto o encontro convida Vera Aragão (foto), julgadora experiente no quesito, para palestrar para os alunos.

Vera Aragão, que foi bailarina do Teatro Municipal do Rio de Janeiro, atualmente é professora de dança na UniverCidade. Além disso, foi julgadora do quesito Mestre-Sala e Porta-Bandeira pela LIESA durante oito anos, na década de 1990.

No próximo sábado (29), às 16:00h, Vera vai contar suas experiências como julgadora e sobre a introdução do balé clássico na dança do casal.

A Escola de Mestre-Sala, Porta-Bandeira e Porta-Estandarte funciona no Ginásio da Passarela do Samba, setor 02. A entrada é franca.
Texto: Divulgação
.
.
.

Domingo tem coroação de Mulher Filé em Vila Kennedy



O Grêmio Recreativo Escola de Samba Unidos da Vila Kennedy vai coroar a dançarina e cantora Yani de Simone, a Mulher Filé, como sua madrinha de bateria no próximo domingo (30) a partir de 18:00h durante a apresentação dos sambas enredos concorrentes.

A atriz e rainha de bateria da Estácio de Sá, Alessandra Mattos fará a coroação da madrinha.

O evento acontece na quadra de ensaios da escola, que fica na Avenida Brasil nº 34.320.


Relação das parcerias concorrentes


Samba 1 = Souza, Jorge Bambino e Rapaziada
Samba 2 = Jorge Almeida dos Santos Chocolate, Lauro da Globo e Carlos Gaby
Samba 3 = Chupeta, Lula Antunes e Mario Andrade
Samba 4 = Beto Mesquita, Ricardo Rocha, Bira da Rede e Miranda
Samba 5 = De Paula, Ademar de Andrade, Zinho, Federal e Eraldo
Samba 6 = Marcelo Carcará, Quinzinho, Gilmar da CDD, Gil Lessa e Jorge Matias de Oliveira
Samba 7 = Arlindo, Jailton, Claudinho Russo, Robertinho e Vaguinho do Cavaco
Samba 8 = Gilmar 34, Gilson Rangel e Adnaldo Costa
Samba 9 = Luciano Flauzino, Marcos Flauzino e Sasá
Samba 10 = Ricardo e Rodrigo Medeiros
Samba 11 = Tiquim, José Maria, Dinho Niterói, Edson do Caneco Cheio e Tião do Prato
Samba 12 = Badeco, Joca, Robson, Baiacu e Índia
Samba 13 = Ademar da Beira Rio
Samba 14 = Claudia Menezes

Unidos de Vila Kenndy será a 11ª escola a desfilar na Estrada Intendente Magalhães, no domingo de carnaval.
.
.
.

sábado, 22 de agosto de 2009

Mulher Filé é a nova madrinha da bateria da Unidos da Vila Kennedy


Foto: Divulgação

O G.R.E.S Unidos da Vila Kennedy que no carnaval 2010 desfila pelo Grupo Rio de Janeiro II (antigo Grupo C) na Avenida Intendente Magalhães, terá como madrinha de bateria a dançarina e cantora Yani de Simone, a Mulher Filé.

Ela foi convidada durante um evento promovido pela agremiação no último sábado em sua quadra de ensaios. A moça prontamente aceitou o convite. "Estou muito feliz com o convite e será uma honra ser madrinha da bateria da escola de samba da qual participei de vários eventos" ,disse Filé para o público presente.

A agremiação será a 11ª escola a desfilar no domingo de carnaval.
.
.
.

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Samba com angu em Cascadura


.
.
.

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Setembro festivo para a AESCRJ

Em comemoração aos seus 75 anos de glórias, a Associação das Escolas de Samba da Cidade do Rio de Janeiro (AESCRJ), fará de setembro um mês de verdadeira festa para suas afiliadas.

Para dar início às festiovidades, haverá uma Plenária Festiva no dia 2 e uma Cassamba Especial de Aniversário com várias atrações, no dia 3.

No domingo, 06, dia do aniversário da AESCRJ, será a glamurosa e espetacular festa de aniversário no Scalla, com início previsto para as 20 horas.

No dia 12, na quadra da União de Jacarepaguá, será a vez de um grande debate elucidativo sobre a mudança do regulamento referente a ala das Baianas, com direito a almoço.

Na tarde do dia seguinte ao debate, nas dependências da Associação, será realizado um torneio de Sueca, também acompanhado de almoço.

E finalizando, dia 26, no Estádio Célio de Barros, torneio de saltos e velocidade.
.
.
.

São Cristóvão e carnaval 2010: nova equipe é apresentada

Durante sua tradicional feijoada no último domingo, 16, foi apresentada a nova equipe para o Carnaval de 2010 da escola Paraíso do Tuiuti. O presidente Renato Marins, mais conhecido como Renato Thor, apresentou sua nova equipe de trabalho, equipe essa que chega com garra. Além da voz de Sérgio Gamma e da coreografia do casal Zé Roberto e Lívia, como mestre-sala e porta-bandeira, a escola confirma a Direção Geral de Harmonia.

Pelo segundo ano consecutivo o jovem Robson de Sant Anna será diretor de Harmonia da agremiação. Na escola de Ramos, Imperatriz Leopoldinense, ele exerce o mesmo cargo há quase 05 anos. Robson conquistou o Estandarte de Ouro na Ala Bloco do Batata no carnaval de 2006,e no ano passado ganhou o Prêmio Jorge Lafound com toda a equipe de melhor Harmonia do Carnaval 2009 pelo Paraíso do Tuiuti. “Assumi está responsabilidade foi um sonho, desde pequeno, quando ainda era apenas um componente dentro das agremiações. Agradeço primeiramente a Deus que me proporcionou está chance, em segundo ao presidente da agremiação, Renato Thor, que confiou em mim e na equipe do ano passado, para levarmos mais uma vez a Paraíso do Tuiuti para avenida e acima de tudo aos meus amigos do mundo do samba (em especial André Salgueiro e Chico Branco Imperatriz), que me ajudaram e me ajudam até hoje, a cada um de vocês o meu mais sincero obrigado”, disse Robson.

Serginho Gama retorna à escola de São Cristóvão. Ele fazia parte do carro de som da Unidos da Tijuca e promete defender a escola e o enredo “Eneida, o Pierrot está de volta”com muita vontade na Avenida.
.
.
.

Dendê a todo vapor


Foto: Divulgação

O G.R.E.S. Acadêmicos do Dendê da Ilha do Governador, presidida por Antonio Costa (Tuninho), não está medindo esforços para levar a agremiação à Sapucaí. No barracão, por exemplo, as ferragens de alegorias já estão finalizadas, começando a parte de carpintaria, na próxima semana.

Segundo o carnavalesco da escola Almir Jhunior, em outubro as alegorias estarão prontas e embaladas, aguardando o carnaval, de 2010. Almir, diz que toda essa antecipação nos trabalhos de barracão se dá ao fato de querer dedicar-se à confecção das fantasias da escola. "Este ano será o trablaho por conta de meu atelier, que conta com um grupo de profissionais de primeira linha", informa.

O enredo da escola para o carnaval 2010 é “O nascimento de uma estrela, de Niterói para a história de deixa falar a Estácio de Sá, Ismael Silva, sua história o Dendê contará”, de autoria do próprio carnavalesco.
.
.
.

Alegria da Zona Sul recebe Lula e inaugura seu primeiro projeto social

Durante a visita do Presidente Lula às comunidades do Pavão-Pavãozinho e Cantagalo para inauguração das obras do PAC, nesta terça-feira (18), também foi inaugurado o CRJ – Centro de Referência da Juventude.

O projeto, do Governo do Estado com a Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, é um espaço de convivência onde os jovens das comunidades poderão aprender uma profissão, desde dança e esportes até carnaval.

Em visita ao novo espaço e ao conhecer os cursos oferecidos, Lula declarou que o projeto é referência e deve abranger outras comunidades do Rio.

Também visitaram as dependências do CRJ o Prefeito Eduardo Paes e o Governador Sérgio Cabral.


Projeto Carnaval Social

Dentro desse contexto, a Alegria da Zona Sul em pareceria com o CRJ, criou seu primeiro projeto social: o Projeto Carnaval Social, para oferecer oficinas e palestras de carnaval com o objetivo de profissionalizar os jovens estudantes das comunidades.

O Projeto foi idealizado por Marcus Almeida, presidente da agremiação, e a parte pedagógica desenvolvida pelo carnavalesco da escola, Lane Santana.

“A Alegria está no coração da Zona Sul, entre duas grandes comunidades. Essa interação do Pavão-Pavãozinho e Cantagalo, com Copacabana e Ipanema é um projeto audacioso, e que aliado ao carnaval com o apoio do governo, só tem a trazer ótimos resultados”, disse Marcus.

As aulas começarão no próximo dia 02 de setembro e as oficinas de carnaval acontecerão às quartas-feiras e sábados na sede do CRJ, que fica na Estrada do Cantagalo, no prédio do CIEP, junto ao CCDC.

O curso tem duração de três meses e será ministrado por profissionais de carnaval, que abordarão desde a parte teórica, como a história da folia, até o desenvolvimento das aulas práticas de adereço, decoração, chapelaria, e trabalhos com espuma e pelúcia. A inscrição é gratuita e realizada no local.
Texto: Divulgação
.
.
.

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Sinopse 2010 do Gato de Bonsucesso



JUSTIFICATIVA


A marcha carnavalesca, conhecida como "marchinha”, é um gênero da música popular brasileira, cujo irreverente repertório possui as canções mais populares do Brasil. “Ô Abre Alas” de Chiquinha Gonzaga, composta especialmente para o Cordão Rosa de Ouro, foi a nossa primeira música carnavalesca, invencível desde 1899, abrindo fértil caminho que se desenvolveu, criando um novo gênero. Entretanto, até a década de 20, não surgiram muitos compositores de marchinhas, obrigando os cariocas a importar músicas de várias procedências, podendo ser francesas como a “Les pompiers de Naterre”, americanas como o cakewlak, habaneras cubanas, ou portuguesas como “Caninha verde”, além de valsas, maxixes, chulas e schottisches.
Entretanto, depois de “Pé de Anjo”, composta por Sinhô, as marchinhas não mais pararam de efervescer o cenário momesco com melodias simples e empolgantes, letras recheadas de dúbios sentidos, ironias e picardias. Através da inspiração de Eduardo Souto, Freire Júnior, Ary Barroso, Lamartine Babo, João de Barro, Benedito Lacerda, Noel Rosa, Mário Lago, Alberto Ribeiro, João Roberto Kelly, entre outros; as marchinhas musicaram a história do carnaval, sempre influenciadas pelo espírito tipicamente carioca, como verdadeiras crônicas ou críticas musicais.
Havia concursos para definir qual marchinha seria a “voz do Carnaval”, e pelo cinema, pelo rádio, ou pelo disco de vinil, essas crônicas conquistavam o país ao longo dos bailes de Carnaval e das chanchadas cinematográficas; cujos números musicais levavam às telas a misteriosa imagem dos ídolos do rádio. Muitos se dedicavam anualmente na expectativa por serem os autores da música que o público cantaria durante os três dias de folia, gravadas nas vozes de Carmem Miranda, Dalva de Oliveira, Sílvio Caldas, Orlando Silva, Dircinha e Linda Batista, Carlos Galhardo, Almirante, Mário Reis, Jorge Veiga, Blecaute, Marlene, Emilinha Borba, Araci de Almeida, Carmem Costa etc.
Mesmo quando politicamente incorretas, infladas de preconceito, discriminação e comicidade, poucas manifestações delinearam com tanta simpatia e criatividade o humor da alma do carioca; cantando casos de amor, problemas do cotidiano, modismos ou costumes sociais, a história da cidade, desvios de conduta, qualidades e defeitos de seu próprio povo. As marchinhas quase sempre exageravam no deboche e na malícia, podendo ir do lirismo romântico e nostálgico ao esculacho e depreciação, mas definitivamente, sem deixar de ser envolventes e empolgantes. São músicas que, ao mesmo tempo em que nos remetem a carnavais inesquecíveis, conservam a juventude que encanta as crianças de todas as idades, sem se preocupar com regras sociais, com a moral e os bons costumes, comprometidas apenas com a liberdade de expressão e com a própria inversão de valores; sejam pelas ruas com os blocos de sujo ao sol do meio-dia, com os blocos de embalo, pelas praças e coretos, ou nos refinados bailes de teatros e salões; ou seja, as marchinhas são a própria essência do Carnaval Carioca.
Desta forma, o GRES GATO DE BONSUCESSO, utilizando-se justamente do samba de enredo, outro gênero da nossa música, toma a responsabilidade de homenagear em seu desfile a trajetória das grandes marchas carnavalescas, através das memórias nostálgicas de um Pierrô pela reconquista do amor de sua Colombina, reverenciando assim, as mais remotas lembranças dos inesquecíveis carnavais e dos áureos tempos dos Arlequins, Diabinhos e Mandarins. Uma época de debochada confusão musical, irreverente luxúria infernal, indecente crônica social, uma verdadeira e Bendita Baderna no império do carnaval.

Arthur Reiy

SINOPSE


Conta uma antiga lenda carioca, que certa vez, lá pelos lados da Rua do Ouvidor, houve um apaixonado Pierrô, que abandonado e desesperado, quase morreu de tanto amor! Sabe-se que, derramando-se em saudades, ao beijar os lábios da Nostalgia, sentiu falta da Poesia que saltitava pelas canções. Ai quem lhe dera abrir alas para alegria, e ofertar rosas de ouro, pra mulata e pra moreninha rivalizarem com loirinha, aos olhos das multidões! Então, encabulado, saltou de banda, meio de lado, feito criança a chorar, fazendo manha, dando careta, querendo colo, pedindo chupeta. Por entre chuvas de confetes e batalhas de serpentinas, na guerrilha dos limões da varanda das meninas, foi atrás determinado, do rastro de sua Colombina. Seguiu pela avenida das ilusões, em busca daquele batuque saudoso, do embalo irreverente, mas só encontrou pela frente, uma camélia a suspirar, nos braços de uma jardineira em soluços a lamentar.

Vem jardineira vem meu amor
Não fiques triste que este mundo é todo seu
Tu és muito mais bonita
Que a camélia que morreu

Se preciso fosse, iria até às touradas de Madri e não voltaria mais aqui, nem pela bravura de Peri, nem pela beleza de Ceci; mas perguntando ao mal-me-quer, o que seria na verdade, o amor de uma mulher. Queria saber a todo custo, se a Poesia ainda existia, e por onde andaria, fosse noite ou fosse dia, pelos becos da boemia, ou pelas ruas ao luar. Para reencontrar seu grande amor, atravessaria até mesmo o Saara, implorando por Allah, com o sol inclemente à cara. Iria até à Martinica, lembrando-se de Chiquita, vestida em casca de nanica, do tipo exportação. E no calor cada vez mais forte, quem sabe até tivesse a sorte, da falta d`água escapar, se ao menos chovesse para aliviar!

Tomara que chova
Três dias sem parar
Tomara que chova
Três dias sem parar

Nos devaneios de sua busca, sassaricando por lampiões a gás, foi pensando a cada esquina, onde foi parar o sorriso daquela divina, que o tempo deixou para trás. Teria se perdido em um corso, num rancho ou num cordão? Ou estaria vivendo em luxos como francesinha num salão? Para esquecer as mágoas, tem gente que vê alento nas cachaças, e garrafa cheia não quer nem ver sobrar; mas o apaixonado preferiu na folia, sua Colombina procurar. Quem sabe em Paquetá, num piquenique lá na Barra ou numa tarde no Joá? Cansado de peregrinar resolveu pegar um bonde; pediu moeda a quem passava, mas foi aquela confusão; bebeu até cair, e dinheiro não teve não. Foi acordar ainda meio tonto, zonzo e atordoado, cambaleante e assustado, com um índio a esbravejar; por conta de um apito, por conta de um colar!

Lá no bananal mulher de branco
Levou pra índio colar esquisito
Índio viu presente mais bonito
Eu não quer colar, índio quer apito

De um jovem mal-falado teve ajuda para se levantar, encontrando forças na alegria do som de um cordão: bolas pretas a revoar numa alegria infernal, onde todos eram de coração, foliões do carnaval. Reparou na rapaziada, que com bafo de onça ia dizendo no pé, cabrochas gingando, e como tinha mulher! E lá iam caciques brincando juntinho, dando água na boca de quem estava sozinho. Foi aí que o Pierrô deu-se conta do tempo que vagueava, em busca de sua amada que de jeito algum encontrava. Resolveu seguir uma banda que por ali passava, cantando coisas de amor, e atrás gente sofrida, despedindo-se da dor. Cheio de tristeza, mas repleto de saudade e amor, cantarolava pelas ruas sua inebriante dor, sem mais saber o que fazer! Sem seu tormento esconder!

Colombina aonde vai você
Eu vou dançar o iê iê iê

Ao cansar sentou-se no banco de uma velha praça... e reparou que era a mesma praça, o mesmo banco, as mesmas flores e o mesmo jardim dos carnavais de outrora. Notou a velha árvore marcada a canivete, onde um coração desenhado eternizava sua paixão do passado. Então veio-lhe a imagem de sua pequena, num glamouroso baile de carnaval, com uma luxuosa máscara negra, ao som de uma orquestra magistral. Era mais um na multidão sem igual, entre rostos escondidos a transformar a noite num momento especial. Onde está sua Colombina que sumiu, desapareceu? Ninguém sabe, ninguém viu, será que se perdeu? Culpa do tempo, do esquecimento, ou do encanto que morreu? “Quem é você?” “Adivinhas de gosta de mim!” Hoje dois mascarados procuram os seus namorados perguntando assim!

Eu sou aquele pierrô
Que te abraçou
Que te beijou, meu amor
Na mesma máscara negra
Que esconde o teu rosto
Eu quero matar a saudade

Como era bom desbravar ruas, com cara suja de farinha, e terminar a noite num colorido salão, ao som de uma marchinha! A voz do Theatro, da Cinelândia, da Revista, da sétima arte, do artista... que cantava coisas da cidade, era crítica de verdade! Lembrou-se de Chiquinha, e dos gingados da portuguesinha, da brilhante estrela Dalva, Lamartine, Noel Rosa, e de João de Barro, nosso imortal Braguinha! Testemunhas de seu amor pela doce Colombina, desde o tempos da Vassourinha às buzinadas do Chacrinha! Não desistiria de reencontrar a sua amada, declamando na avenida uma ode enluarada.

Saudade mal de amor, de amor
Saudade dor que dói demais
Vem meu amor
Bandeira branca
Eu peço paz

Quando então já desistia, desiludido e descontente, surgiu a sua frente, a sorridente Colombina, toda faceira e irreverente, em perfume, confete e serpentina. Disse a bela encantadora que nunca desaparecera, pois morava “cabrocha” no coração de quem dela não se esquecera; e nem dos grandes carnavais, dos lanças-perfumes e limões de cera. Ainda viveria, por muito tempo nos sonhos de seu Pierrô, ao som de uma doce marchinha, como cantiga de amor... entre o sagrado e o profano, pelas ruas e salões, numa bendita baderna, encantando foliões! Sem carnaval seria impossível a felicidade, histórias de amor, e majestade... nos traços e nos compassos da Maravilhosa Cidade.

Berço do samba
E das lindas canções
Que vivem n’alma da gente
És o altar dos nossos corações
Que cantam alegremente!

Arthur Reiy
.
.
.

Alegria da Zona Sul anuncia seu 2º casal


A Alegria da Zona Sul não pára de fazer novas contratações em busca do melhor resultado no carnaval de 2010 e anunciou nessa semana Rodrigo e Cassianne (foto) como o segundo casal de Mestre-Sala e Porta-Bandeira da escola.

Rodrigo já fazia parte da vermelha e branca da Zona Sul e vai para o seu terceiro carnaval na agremiação e Cassianne passou pela Vizinha Faladeira no carnaval deste ano.

O jovem casal já se conhecia, porém essa é a primeira vez que vão dançar juntos: “Já deu pra ver que vamos funcionar, temos química”, brinca Rodrigo, empolgado com os primeiros ensaios com sua nova porta-bandeira.

Para Cassianne, a responsabilidade é sempre grande: “Na vista de algumas pessoas o segundo casal é só um casal. Mas não, nós também carregamos o pavilhão da escola, por isso vamos mostrar o nosso trabalho, fazer por onde”, defende.

A Alegria da Zona Sul será a nona escola a desfilar na Marquês de Sapucaí, pelo Grupo RJ 1, na terça-feira de carnaval.
Texto: Divulgação
.
.
.

1ª Roda de Samba de Mulheres de Niterói

domingo, 2 de agosto de 2009

Noite da Gratidão em Santa Cruz neste sábado

No próximo dia 8, sábado, a escola Acadêwmicos de Santa Cruz realiza em sua quadra de ensaios a Noite da Gratidão. O baile dançante tem presença confirmada de Dhema e sua banda.

Na ocasião será coroada a mais nova rainha de bateria da agremiação, Jaqueline Maia.

Os convites já estão à venda na secretaria da quadra.
Mesas: R$ 20,00
Entrada: R$ 5,00
Traje esporte fino.
.
.
.

sábado, 1 de agosto de 2009

O espaço é da internauta!

Olá Mulheres do Carnaval em Foco!

Sou Presidente do GRBC & Cultural Saias na Folia, de Niterói e gostaria de passar uma importante informação:

Navegando sobre carnaval encontrei o blog do Carnaval em Foco e li a informação sobre a posse da 1ª Mulher Mestre de Bateria, a mestre Helen.

Quero informá-las que em 09/07/2009, na Quadra da GRES Acadêmicos da Cubango, a Bateria Feminina Fina Batucada, do mestee Riko batizou a Bateria Feminina do GRBC & Cultural SAIAS NA FOLIA, que abrilhantará o carnaval ´2010, de Niterói.
Também foi empossada a nossa Mestre de Bateria Thalita Santos, que a partir daí vimos sendo notícia na mídia local e internet.

Assim, a notícia sobre a primeira mulher mestre de Bateria deveria ter uma reparação: A primeira mulher mestre de Bateria do Brasil, realmente foi a Thalita Santos, porém, além de ser a primeira mulher a ser empossada como mestre de bateria, em 09/05/2009, é mestre de bateria de um Bloco só de Mulheres. Assim a Mestre Helen continua a ser a 1ª mulher Mestre de Bateria só que de Escola de Samba. Aí devemos parabenizá-las a todas pelo desafio e determinação, quando temos uma sociedade onde a predominância é exclusivamente masculina, sendo um pouco mais de 2% em mulheres nas baterias das escolas. Parabéns Helen, parabéns Thalita Santos vocês estão no registro desse marco histórico para as mulheres, contribuindo para sociedade mais igualitária, isso tudo sem perder a ternura jamais.

Gostaria até que incluisse meu comentário no blog que não consegui. E com certeza estaremos marcando um grande encontro, em Niterói ou em Uraiti das duas mestres protagonistas neste processo.


Grata pela atenção
--
Rita Diirr
Presidente do GRBC & Cultural
Saias na Folia
.
.
.

terça-feira, 28 de julho de 2009

Fotos da última feijoada da Imperatriz





Santa Curz recebe Galeria de Velha Guarda

A Acadêmicos de Santa Cruz realiza no próximo domingo, dia 2, a partir de 13:00h, o Encontro de Galerias de Velha Guarda, em sua quadra de ensaios, na Rua do Império (Reta da Base), 573, Santa Cruz.

O evento será um almoço dançante e vai reunir integrantes das alas de velhas guardas de todos as escolas de samba cariocas. A entrada dos pavilhões acontece até as 16:00h.

Na ocasião, a Santa Cruz comemora o 22º aniversário da sua Galeria de Velha Guarda.
.
.
.

Mestre- sala Peninha de volta ao carnaval

Parece que a má fase já passou. Afastado do carnaval desde 2004 e enfrentando sérios problemas pessoais, o mestre-sala Peninha encontrou na Escola de Mestre-Sala, Porta-Bandeira e Porta-Estandarte um novo rumo para a sua vida.

Através de Manoel Dionísio, o experiente mestre-sala chegou ao projeto, onde passou por uma fase de adaptação e logo se tornou o mais novo instrutor da Escola: “- Esse resgate do Peninha aqui no Projeto é dar uma mão a uma pessoa que tem um grande valor para o mundo do samba e muito para ensinar”, disse Dionísio.

Há aproximadamente dois meses na Escola, Peninha vem passando seu conhecimento aos jovens e futuros mestres-salas, mostrando que ainda tem fôlego de sobra para encarar uma Avenida.

E foi observando todo esse desempenho que a diretoria da Vizinha Faladeira, visitando por algumas semanas as aulas, contratou neste final de semana o seu mais novo primeiro mestre-sala para o carnaval de 2010. Ao lado da porta-bandeira Janaína, Peninha vai defender o pavilhão da escola de Santo Cristo no próximo carnaval.

"Hoje nós estamos tentando resgatar a história da Vizinha Faladeira. E o Peninha também está sendo resgatado. Trazer um mestre-sala com o peso, a história e a sabedoria dele, só tem a acrescentar no nosso carnaval", justificou o presidente da escola, Eduardo Silva.

Para o sambista de mais de 50 anos de carnaval, estar de volta é uma realização: “Para mim, foi tudo!”, disse Peninha emocionado.

A apresentação de Peninha como novo mestre-sala da Vizinha Faladeira acontecerá no próximo dia 11 de setembro (sexta-feira), na quadra da escola.
Texto: Divulgação
.
.
.

Veja a ordem dos desfiles dos blocos em 2010

AV. RIO BRANCO – CENTRO
GRUPO 1 – DIA 13/02/10 (SÁBADO) – 20 HORAS

01 – GRBC IMPÉRIO DO GRAMACHO
02 – GRBC UNIDOS DAS VARGENS
03 – GRBC NOVO HORIZONTE
04 – GRBC BOCA DE SIRI
05 – GRBC TRADIÇÃO BARREIRENSE DE MESQUITA
06 – GRBC FLOR DA PRIMAVERA
07 – GRBC UNIÃO DA PONTE
08 – GRBC DO BARRIGA
09 – GRBC COROADO DE JACAREPAGUÁ
10 – GRBC RAÍZES DA TIJUCA

ESTR. INTENDENTE MAGALHÃES – CAMPINHO
GRUPO 2 – DIA 13/02/10 (SÁBADO) – 20 HORAS

01 – GRBC GRILO DE BANGÚ
02 – GRBC UNIDOS DA LAUREANO
03 – GRBC AMIZADE DA ÁGUA BRANCA
04 – GRBC TIGRE DE BONSUCESSO
05 – GRBC DO CHINA
06 – GRBC MOC. UNIDA DE MANGUARIBA
07 – GRBC UNIDOS DE TUBIACANGA
08 – GRBC MAGNATAS DE ENG. PEDREIRA
09 – GRBC FALCÃO DOURADO
10 – GRBC SIMPATIA DO JD. PRIMAVERA

RUA CARDOSO DE MORAIS - BONSUCESSO
GRUPO 3 – DIA 1302/10 (SÁBADO) – 20 HORAS

01 – GRBC ORGULHO DA ZONA OESTE
02 – GRBC CHORA NA RAMPA
03 – GRBC UNIDOS DO ALTO DA BOA VISTA
04 – GRBC COMETAS DO BISPO
05 – GRBC UNIDOS DE PARADA ANGÉLICA
06 – GRBC COLIBRI DE MESQUITA
07 – GRBC ARRANCO DA GUARANY DE PIABETÁ
08 – GRBC ESPERANÇA DE NOVA CAMPINA
09 – GRBC MOCIDADE UNIDA DA MINEIRA
10 - GRBC RODA QUEM PODE
.
.
.

sexta-feira, 24 de julho de 2009

Rocinha participa do ensaio do Salgueiro

Depois de Mangueira, Grande Rio, Mocidade, Porto da Pedra, Ilha do Governador, Estácio e Renascer de Jacarepaguá, chegou a vez da Acadêmicos da Rocinha participar do ensaio do G.R.E.S. Acadêmicos do Salgueiro. A tricolor da Rocinha estará amanhã (25/07) na quadra da agremiação campeã do Grupo Especial do carnaval 2009 ao lado das co-irmãs Beija Flor e Vila Isabel. Componentes da Borboleta representarão a agremiação na sede do Salgueiro a partir das 22h, com entradas a R$10,00. A festa será ao som da Bateria Furiosa e na voz do intérprete oficial da escola do Andaraí, Quinho.

No domingo (26/07), a animação está garantida na quadra da Acadêmicos da Rocinha. A representante da Zona Sul carioca promoverá o segundo encontro de "Segmentos da Acadêmicos da Rocinha”, a partir das 13h com uma roda de samba de primeira. Para esquentar o friozinho serão colocados à venda vários tipos de caldo. A entrada custará R$ 5,00, com direito a uma lata de cerveja ou refrigerante. E para não deixar ninguém parado, apresentação do Grupo Nossa Raiz e o batuque nota 10 da bateria do Mestre Maurão.

Também no domingo, Carlos Mariano de Souza, mais conhecido como Carlão da Rocinha passará a faixa de "Cidadão da Velha Guarda das Escolas de Samba do Rio de Janeiro”. Veterano de 63 anos, o presidente da Velha Guarda da Acadêmicos da Rocinha é membro da Associação das Velhas Guardas do Rio de Janeiro (AVERJ), sendo Cidadão da Velha Guarda das Escolas de Samba do Rio de Janeiro desde 2007. Carlão foi eleito representante oficial da instituição em 2007 e reeleito em 2008. Ele passará a faixa para o Sr. Varlo, da Paraíso do Tuití, na cerimônia, que acontecerá às 18h, na quadra da Caprichosos de Pilares.
Texto: Divulgação
.
.
.

Escola de MS & PB promove o terceiro Contos de Bamba

Na terceira edição do “Contos de Bamba”, os professores da Escola de Mestre-Sala, Porta-Bandeira e Porta-Estandarte, comandada por Manoel Dionísio, vão fazer amanhã, às 16 horas, um debate com os alunos e seus responsáveis sobre a didática e as aulas do ensino da dança. Será uma troca de vivências, opiniões e experiências entre quem recebe as informações e quem transmite a prática.

Viviane Ramos, Verônica (Imperatriz), Magda, Claudinho, Raphael (Mangueira), Fabrício (Mocidade), Delegado e Soninha são os professores que conduzirão o debate.

Contos de Bamba acontece todo último sábado de cada mês, durante as aulas da Escola de Mestre-Sala e Porta-Bandeira, no Ginásio da Passarela do Samba, setor 02. A entrada é gratuita.
Texto: Divulgação
.
.
.

Arranco promove neste sábado a 3° edição do Papo Cultural

O Arranco vai promover neste sábado, dia 25, a partir das 15h, a 3º edição do "Papo Cultural". O tema do debate será "A origem dos blocos e seu aspecto sociocultural". O objetivo é colocar os componentes, amigos e sambistas integrados dentro do enredo da azul e branco intitulado "Bendita baderna numa rua chamada felicidade", do carnavalesco Severo Luzardo.

Nesta edição participarão do debate como palestrantes o presidente do Cordão da Bola Preta, Pedro Ernesto Marinho, o historiador Felipe Ferreira, o presidente da Federação dos Blocos Izaltino Gonçalves Medeiros e o diretor cultural do bloco Amigos da Esquina, Felipe Varjão.

A mediação do evento ficará a cargo do pesquisador Luiz Carlos Magalhães, colunista do site SRZD-Carnavalesco e após a palestra será servido aos presentes um almoço.

A entrada para o Papo Cultural é franca. O Arranco será a terceira escola a desfilar na terça-feira de Carnaval na Marquês de Sapucaí. A quadra da escola fica na Rua Adolpho Bergamini, 196 - Engenho de Dentro.
Texto: Divulgação
.
.
.

quinta-feira, 23 de julho de 2009

Roda de samba da Rocinha dá o maior caldo

Visando integrar cada vez mais a sua comunidade e os seus componentes, a Acadêmicos da Rocinha promove o segundo encontro de "Segmentos da Acadêmicos da Rocinha”. O evento acontecerá neste domingo (26/07), a partir das 13h com uma roda de samba de primeira. Para esquentar o friozinho serão colocados à venda vários tipos de caldo, a entrada custará R$ 5,00, com direito a uma lata de cerveja ou refrigerante.

E para não deixar ninguém parado, apresentações do Grupo Nossa Raiz e o batuque nota 10 da bateria do Mestre Maurão. Os caldos darão lugar à feijoada, uma vez por mês, a partir de agosto (segue abaixo a programação), sempre às 12h.

DATAS DA FEIJOADA NA QUADRA DA ACADÊMICOS DA ROCINHA:

09 de agosto
06 de setembro
04 de outubro
08 de novembro
06 de dezembro

Texto: Divulgação
.
.
.

Acadêmicos de Santa Cruz entrega sinopse

Nos Passos do Compasso
Enredo de Rosele Nicolau Coutinho


Introdução:

A dança e a música são as primeiras formas de expressão do homem. É o reflexo da alma, da alegria e da liberdade.
Apesar das diferentes origens históricas, culturais e sociais, estas duas manifestações artísticas indissociáveis são comuns a todos os povos e culturas.
A música e a dança têm papel fundamental na História, pois despertam emoções, amenizam as desigualdades sociais e promovem a união entre os povos.

Justificativa:

A música e a dança eram linguagens mágicas do homem na sua inovação aos deuses, aos espíritos e as forças da natureza.
Os gregos estabeleceram as bases para a cultura do Ocidente. A própria palavra música nasceu na Grécia, onde MOUSIKÊ significa “A Arte das Musas”, abrangendo também a dança e a poesia.
O medo dos fenômenos naturais, a necessidade de defesa, a ânsia de comunicação, provavelmente levaram o homem primitivo a emitir sons em forma ritmada e a movimentar-se em resposta a sentimentos de alegria, vida, terror, morte, vitórias e derrotas.
A música e a dança nasceram com a natureza, ao considerarmos que seus elementos formais - o som e o ritmo - fazem parte do universo e da estrutura humana.
Nos salões dos castelos a dança e a música se desenvolveram com o colorido das máscaras e vestes suntuosas.
Com o passar do tempo, essas expressões culturais ganharam as ruas e tornaram artes acessíveis a todos os segmentos da sociedade. Novos ritmos e coreografias foram surgindo, desenhando bailados e sinfonias que encantam os homens.
E é desta forma alegre que o G.R.E.S. Acadêmicos de Santa Cruz se sente honrado em apresentar no carnaval de 2010 o enredo, “Nos Passos do Compasso” que retrata duas artes magníficas e que embelezam e toca as almas em lindas sinfonias: o coração dos seres humanos.

Rosele Jorge Nicolau Coutinho


SINOPSE:


“O ato de dançar e de cantarolar são definidos como manifestação instintiva do ser humano. Considerada a mais antiga das artes, a dança e a música são também a mais simples e únicas, pois dispensam materiais e ferramentas. Elas só dependem do corpo e da vitalidade humana para cumprir suas funções”.

O homem sempre expressou seus sentimentos através de movimentos corporais, o que situa a dança e a música entre as artes mais antigas. Outros significados, além de artístico, têm sido associados a esse fenômeno cultural, ao longo do tempo. Entre os povos mais primitivos, essas expressões culturais estavam presentes nas principais épocas e críticas da vida humana, nos principais eventos comunitários, como os períodos de semeadura, colheita, caça e lutas, além de ser utilizada para fins medicinais e puramente mágicos. Acreditava-se que através da dança o homem se comunicava diretamente com os deuses.

Os gregos participavam de ritos religiosos esotéricos que incluíam a dança. Eles acreditavam que essa arte era essencial para a educação, o culto e o teatro. Para os gregos, a música representava a harmonia entre a alma e as ações. Poderia exercer poderes benéficos ou maléficos sobre os homens. As danças, com armas, faziam parte da educação dos jovens. Os ritos de Dionísio e Baco são os mais comentados, e ainda havia outras divindades, especialmente as de fertilidades. A dança era freqüentemente vinculada aos jogos, em especial aos olímpicos e deixou de ser somente utilizada com fins religiosos, sendo incorporada também às tragédias gregas. Quando os romanos conquistaram a Grécia, eles assimilaram a música e a dança para exaltar as glórias militares. Em Roma a música encontrou nos cristãos a expressão de fé, esperança e amor, passando a ser um elemento de elevação espiritual. Os egípcios representam a civilização mais antiga de que se tem conhecimento. Para eles, a música e a dança eram extremamente importantes no culto aos deuses, pois estavam sempre presentes nos banquetes e cerimônias, buscando expressões elevadas e serenas. A dança e a música se desenvolviam com expressividade nas culturas chinesas e indianas. Para os chineses, a música tinha origem na natureza e era uma instituição oficial, pois somente imperadores e príncipes podiam criá-la. O objetivo era orientar o povo e purificar-lhe o pensamento. Na Índia, a música e a dança eram cultivadas desde os primórdios de sua História, considerando-as como parte formadora do universo.

Durante a Idade Média, o Barroco teve grande influência na música e na dança. Os trovadores, poetas da época, compunham poesias e melodias para acompanharem as cantigas. O cristianismo tornou-se a força mais influente na Europa. Foram proibidas as danças teatrais, por representantes da Igreja, pois algumas delas apresentavam movimentos muito sensuais. Mas os dançarinos ambulantes continuaram a se apresentar nas feiras e aldeias mantendo a dança teatral viva. Em torno do século XIV, as associações de artesãos promoviam a representação de elaboradas peças religiosas, nas quais a dança era uma das partes mais populares. Os europeus continuaram a festejar casamentos, feriados e outras ocasiões festivas com danças folclóricas, que começou com os camponeses e foi adotada pela nobreza, numa forma mais requintada. No final da Idade Média a dança tornou-se parte de todos os acontecimentos festivos.
É época de Romantismo, o fascínio da noite e do luar, das terras exóticas, dos sonhos e das tristezas do amor, lendas, contos, os mistérios, as magias e o sobrenatural exerciam um enorme fascínio sobre os homens. O Romantismo foi um movimento artístico que deu grande importância à individualidade e à liberdade de expressão pessoal. Até então, a maioria dos balés girava em torno dos deuses e deusas, mas com o Romantismo passaram a tratar de pessoas comuns. Muitos enredos de balés tinham como personagens seres imaginários como fadas e sílfides, os espíritos do ar. Como uma “caixinha de música”, composições melancólicas ou alegres impremiam ritmos novos as danças. A valsa, as óperas e os bailes de máscaras encantavam pela sofisticação de seus idealizadores.

O folclore brasileiro é rico em danças que representam as tradições e a cultura de uma determinada região. Estão ligadas aos aspectos religiosos, festas, lendas, fatos históricos, acontecimentos do cotidiano e brincadeiras. As danças folclóricas brasileiras caracterizam-se pelas músicas animadas com letras simples e populares e figurinos e cenários representativos. Estas danças são realizadas, geralmente, em espaços públicos, coretos, praças, ruas e largos, sempre acompanhado com uma boa música e por uma boa banda.

Conhecido e comemorado no mundo inteiro, o carnaval tornou-se uma festa popular rica e variada, partilhada com euforia. Dança, música e fantasia juntam-se e expressam sentimentos como o de um “Pierrô pela sua Colombina”, como as “composições de grandes poetas do samba” e a maestria de seus “Baluartes”. No Brasil, a criatividade e a alegria desta festa alcançam o apogeu, atraindo não apenas foliões brasileiros, mas também os estrangeiros que se encantam com nossa vasta e inigualável cultura carnavalesca.

A música e a dança sempre estarão bailando em plena harmonia, seguindo um mesmo ritmo, ocupando todos os espaços. Nos templos, castelos, palcos ou ruas, com giros, gestos e saltos, o homem viverá a eterna magia de entrelaçar em seus passos os compassos de uma melodia. Essas artes mais antigas ainda continuam sendo a única arte que dispensa materiais e ferramentas, ela só depende do corpo e da vitalidade humana para cumprir a sua função.

Comissão de Carnaval
.
.
.

Sinopse da Unidos de Padre Miguel

Muitas histórias fabulosas foram contadas ao longo dos séculos, descrevendo como o ferro meteórico caia na Terra enviado do Universo Cósmico como uma dádiva dos deuses aos homens. A própria Mitologia Grega narra que Hera, envergonhada de ter dado à luz a um filho tão disforme, Vulcano, atirou-o no espaço. Depois de haver rolado todo o dia nos ares, seu corpo precipitou-se em direção à Terra, na forma de meteoritos, vistos na Terra pelos pré-históricos como verdadeiros pássaros de fogo ou estrelas cadentes que atingiam brutalmente a superfície, abrindo-lhe enormes crateras.
Vulcano é o deus do ferro e do fogo.

Logo, ferro no fogo gera seu variante, o aço, e aí começa a evolução...
Com o domínio do fogo pelo homem, provavelmente a primeira produção de ferro foi obtida acidentalmente, ao colocar o minério numa fogueira, para protegê-la. Mas sem tecnologia básica, sua produção permaneceria adormecida por vários séculos...
Com a fabricação de fornos caseiros, que produziam mais calor, o ferro passou a ser utilizado com mais freqüência, especialmente em armas de guerra ou caça, como espadas, facas, couraças... beneficiando todas as civilizações antigas, até os povos medievais, que criaram armaduras e escudos, usados como objetos de defesa pessoal nas chamadas Cruzadas, objetivando conquistar novas terras.

Mas, a grande mudança aconteceu com a Revolução Industrial, modificando totalmente a metalurgia, a siderurgia e o mundo: o uso de altos-fornos e máquinas a vapor, transformando o ferro e o aço no mais importante material de construção. Há um momento na história em que o ferro e o aço passam a ser empregados com tão diversificados fins, que é inevitável o registro desse material como um fator essencial para as transformações de toda ordem por que passou a sociedade. Este momento é o século XIX.

De lá para cá, prestemos atenção a tudo que está a nossa volta. Poderemos perceber que grande parte dos objetos é feita de aço. É a liga metálica mais importante da vida moderna. Automóveis, aviões, navios, linhas de transmissão de energia, redes de telefonia, tubulações de água, dos talheres a panela, entre muitas outras coisas, existem causa do aço. É vital em muitas máquinas e equipamentos que tornam possível à humanidade facilidades e benefícios. Pode-se até dizer que o poderia econômico de uma nação está diretamente ligado ao consumo per capita de aço. Dessa forma, é difícil imaginar o mundo sem a sua presença.

E, com este espírito de força de vontade (de aço), é que pisaremos a Sapucaí: com garra e determinação! Este presente dos deuses, riqueza da Terra, retornará aos céus manufaturado, em forma de uma grande nave espacial, levando a alegria do Carnaval ao Universo. É o ciclo evolutivo do aço, que será formado e fechado na nossa Usina Siderúrgica Unidos de Padre Miguel.

Defesa e Justificativa do Enredo

Alô, Vila Vintém!
Chegou a hora de exaltarmos a evolução, afinal estamos no século XIX, e esta exaltação será feita focando sua principal causa: o AÇO!

Então, neste carnaval 2010, lançamos o enredo: “Aço: Universo presente na riqueza da Terra – o futuro a ti pertence”, onde serão abordados, em desfile, sua origem mitológica, sua história geral, seu preparo na siderurgia e suas aplicações no cotidiano das populações.

A intenção de nossa Agremiação é formar e fechar o ciclo evolutivo do aço, vindo do Universo Cósmico, em forma de meteorito – o ferro, sua descoberta com riqueza natural e conseqüente evolução da humanidade, retornando a esse mesmo Universo, manufaturado na Usina Siderúrgica Unidos de Padre Miguel em forma de uma grande nave espacial, ou nave da folia, que levará a alegria do carnaval, em agradecimento ao presente enviado pelos deuses.

E o futuro? Podemos imaginá-lo sem a presença do aço e suas diferentes utilizações? A resposta é negativa. Portanto, o futuro a ele, aço, pertence! É o aço! É a evolução! É carnaval! É Unidos de Padre Miguel!

Os Carnavalescos,
Edward Moraes e Guilherme Alexandre

.
.
.

Alegria da Zona Sul divulga sinopse


A Alegria da Zona Sul divulgou essa semana a sua sinopse para o carnaval 2010. Na próxima quinta-feira, dia 23, às 19 horas, o carnavalesco Lane Santana fará mais uma explanação do enredo no barracão da escola aos compositores.

O barracão da Alegria da Zona Sul fica na Rua Equador, 250, Santo Cristo (antigo barracão do Salgueiro) e a escola será a nona a desfilar na terça-feira de carnaval, pelo Grupo Rio de Janeiro 1.


Alegria da Zona Sul – Carnaval 2010

No Mundo da Fantasia, vejo as cores da Alegria


Primeiro ato – “No Mundo da Fantasia... O reino monocromático”

Era uma vez...
Em um tempo distante, um mundo que era dividido em reinos. Um destes era dos seres alados. Apesar de todos os habitantes possuírem a dádiva de voar e poder ver o mundo do alto, um sentimento estava perdido. Nele, as flores não mais desabrochavam, os sorrisos eram tímidos e a música se calara. Todos os habitantes deste reino pareciam se fundir às estáticas paredes e colunas de tão frio lugar. Era monocromático e a beleza da vida passava despercebida.

E foi assim por muito tempo...
Até que um dia, o rei e a rainha inconformados com a melancolia, se enchem de esperança e decidem enviar um mensageiro para percorrer o mundo em busca de algo que trouxesse de novo sentido a vida de todos.
Então, em seu último bailar, como por magia, dão vida a um gigantesco pássaro jamais visto. E este tem a missão de encontrar no mundo a alegria que havia se perdido deste reino...


Segundo ato – “No Mundo da Fantasia... A busca e o regresso”

Então começa sua longa jornada... Ele cruza os mares, passando pelo reino das águas, onde pode observar como se movimentam e quanto é suave a sua força. Seus matizes de cores e sua harmonia por vezes se tornam bravias. Porém, nada neste encantador reino parece ter sentido fora dali.

Do frio dos pólos... ao calor dos trópicos, cores exuberantes tingem tal reino, onde flores e frutas dão vida, cheiro e sabor inigualável. Tudo é perfeito em seu lugar e nada pode ser retirado dali. Então ele prossegue sua viagem...

Passando por terras rústicas de sol forte e povo marcante, chegamos ao reino do barro, da terra e dos minerais. Reino exuberante de extensão gigantesca...

...Do ocidente ao oriente em direção ao sol nascente, encontra com o reino do fogo, onde encerra sua busca.

Em sua viagem passou por diversos lugares, conhecendo diferentes culturas e cores. Porém tudo se encaixava tão perfeitamente. Cada reino com sua magia, sua particularidade que nada podia ser levado.
Já cansado e sem encontrar o que buscava....
Decide retornar ao seu ponto de partida.

Já no seu reino... para junto a um campo de flores pálidas, comuns em sua terra, e para recuperar sua energias, suga o néctar da tímida flor, que não desabrocha por completo. Neste momento, como magia, a flor desabrocha liberando uma infinidade de cores que começam a colorir todo o seu reino. Cores tão vibrantes que contagiam a todos, com um sentimento que até então estava esquecido.


Terceiro ato – “No Mundo da Fantasia... As coisas simples da vida”

A alegria explode em cores e ganha vida!
A melancolia se rende a alegria e logo todos do reino percebem que ela sempre esteve ali, tão próxima que por vezes, não conseguiam enxergar. Tal alegria reside no amanhecer de mais um dia, no desabrochar de uma flor, no bater das asas de uma borboleta, que colore o dia transitando de flor em flor; em um arco-íris, que após uma tempestade vem colorir o céu, enchendo a vida de alegria, e fazendo-nos ver que não há tempestade que dure para sempre e que a luz sempre volta a brilhar, enchendo a vida de esperança e cores.
A alegria está no poder do amor, que transforma e nos enche de vontade de dançar e cantar, no ritmo acelerado e cadenciado da bateria, que pulsa como um coração que bate fazendo música.
No singelo sorriso de uma criança, que mostra a pureza e a verdade espontânea.
Em pequenas coisas que por muitas vezes a correria do cotidiano nos faz deixar de enxergar.
A alegria está em viver e em vencer a cada dia.

Enfim, a alegria está nas coisas mais simples da vida e não precisamos dar a volta ao mundo para encontrá-la. Ela está ao nosso alcance, bem perto de nós... ou quem sabe, dentro de nós.


Quarto ato – “No Mundo da Fantasia... Vejo as cores da Alegria”

Que venham todos os reinos, pois hoje é dia de folia. Nesta festa que exalta a alegria, a música já não se cala, povo se agita e as cores se misturam. É carnaval!
No reino, que antes não via cor, hoje explodem os fogos da alegria, e o rei da folia, convida todos para participarem desta festa.
E como por encanto faz nascer os antigos reis, que agora com suas vestes tingidas de cores, são símbolos da esperança de que a alegria no mundo jamais se acabará.
Nesta festa, a corte é recebida por arautos coloridos da alegria, e oferecem um grande baile de máscaras, para mostrarem com orgulho o seu brasão.
Este reino, antes monocromático e sem alegria, hoje esbanja felicidade e contagia o mundo de fantasia com esta mensagem de inconformismo, de perseverança, de amor, e principalmente, de alegria.

No carnaval de 2010, criaremos um mundo de fantasia para que se destaquem as cores da alegria: palavra com sete letras que expressa a satisfação da emoção coletiva e o desejo da massa universal.
Alegria

Lane Santana
Alegria da Zona Sul
Carnaval 2010

.
.
.

terça-feira, 14 de julho de 2009

Domingo foi dia de lançamento de enredo na Zona Sul

A escola de Copacabana realizou festa no último domingo, dia 12, para lançar o enredo “No Mundo da Fantasia... vejo as cores da Alegria”, de autoria do carnavalesco Lane Santana.

Durante o evento, que teve a abertura do Grupo VibraSamba, o enredo foi apresentado de forma áudio-visual, através dos telões dispostos no teatro, e também de forma cenográfica, com a interpretação de um grupo de balé complementando a apresentação. A nova diretoria da agremiação, presidida por Marcus Almeida, também foi anunciada com muitos aplausos.

O show da Alegria veio logo em seguida embalar a festa: o intérprete Edmilton de Bem subiu ao palco, com os ritmistas de Mestre Tabaco e Claudinho Tuiuti, o casal de Mestre-Sala e Porta-Bandeira Feliciano e Naninha, passistas e crianças, relembrando sambas dos desfiles da vermelha e branca da Zona Sul.

Subiram ao palco também Wantuir (Grande Rio), Dominguinhos do Estácio (Imperatriz), Quinho (Salgueiro), Gilsinho (Portela), Ito Melodia (União da Ilha) e Luizito (Mangueira), que fecharam a noite com sambas memoráveis do carnaval carioca.
Texto: Divulgação
.
.
.

Acadêmicos de Santa Cruz tem novo diretor

A Santa Cruz tem um novo diretor de carnaval. Formado na primeira turma do curso de Gestão de Carnaval pela Faculdade Estácio de Sá, Jorge Hindriches, mais conhecido como Alemão, assume o cargo deixado pelo ex-diretor Mário José de Siqueira, falecido em março deste ano.

Alemão é oriundo da Beija Flor de Nilópolis e há sete anos exerceu a função no Carnaval de Cabo Frio sendo campeão em 2007 pelo G.R.E.S. Império de Cabo Frio. Está há três anos na Acadêmicos de Santa Cruz, sendo que no último ano ocupou o cargo de diretor geral de harmonia juntamente com Canjica.
Texto: Divulgação
.
.
.

Rosa de Ouro entrega sinopse no domingo

A sinopse do enredo 2010 ”Da ousadia dos imigrantes à construção de um sonho, Feira de São Crsitóvão, o nordeste carioca", de autoria do carnavalesco Rogério Lima, será entregue no próximo domingo, dia 18, às 14h.

O evento será na quadra de ensaios da agremiação, localizada na Rua Coelho Lisboa, 201.
.
.
.

Foi o maior sucesso a Feijoada com Encontro de Blocos da Paraíso do Tuiuti

Podemos considerar como um grande sucesso a "Feijoada com Encontro de Blocos" realizada na quadra da Paraíso do Tuiuti no domingo passado.

Os blocos de São Cristovão, entre eles os Bambas do Curuzú, Imperadores de São Cristóvão, II K Mole da Barreira do Vasco, Piranhas do São Roque e os blocos da Tijuca como Balanço do Pinto e Sans Peña fizeram a alegria da festa.

Foram homenageados com um troféus entregues pelo pelo presidente Thor, pelo carnavalesco Eduardo Gonçalves e pela coordenadora Tânia Índio do Brasil os destaques Veluma, Edinelson, Ricardo Ferrador e Paulo Cesar, por sua participação no Carnaval de 2009.

Também nesta festa foi feito o laçamento do enredo para 2010 "Sérgio Cabral é Rio, é Carnaval" que será desenvolvido pelo carnavalesco Eduardo Gonçalves e sua equipe, que pelo segundo ano consecutivo contribui com a escola.

Os compositores receberam a sinopse, o regulamento, a ficha de inscrição do samba e a agenda a ser seguida até a apresentação dos sambas que será no dia 14/08 - sexta-feira, a partir das 22:00 h.

.
.
.
Neila Pedrosa

2ª Feijoada GLS do Mundo do Samba

Uma super festa com show de mulatas, banda show, bateria e as top's:
. July-July
. Paula Braga
. Dessiré
. Michelle Nascimento
. Suzana Ribeiro
. Regina de Monaco
. Andrea Gasparelli

Acontecerá no dia 16/08 -domingo, a partir das 13:00 h., na quadra do Arranco - Rua Adolfo Bergamini, 196 no Engenho de Dentro.

Os convites antecipados estão à venda por R$ 10,00 pelos telefones 9500-9581 / 9336-3733 / 2595-1184 / 3271-7755.

Posso adiantar que a 1ª Feijoada GLS, também realizada no Arranco do Engenho de Dentro no ano passado, foi o maior sucesso. O show é imperdível.
.
.
.
Neila Pedrosa

1ª Mulher Mestre de Bateria!

Seu nome é Helen, ou melhor, Mestre Helen e sua escola é a Unidos do Uraiti que pertence ao Grupo Rio de Janeiro IV e será a terceira escola a desfilar, na Intendente Magalhães.

A posse de Mestre Helen será no próximo domingo, dia 19/07 na quadra da Uraiti na Estrada do Barro Vermelho - Colégio.

.
.
.
Neila Pedrosa

terça-feira, 7 de julho de 2009

Alegria da Zona Sul faz festa para lançar enredo neste domingo



“No Mundo da Fantasia... vejo as cores da Alegria” é o enredo que a Alegria da Zona Sul leva para a Avenida em 2010. O enredo, do carnavalesco Lane Santana, é uma história fictícia que vai mostrar que a Alegria está presente nas pequenas coisas da vida. Para fazer o lançamento oficial do enredo da escola e apresentar a nova diretoria sob a presidência de Marcus Almeida, a Alegria da Zona Sul realiza festa no próximo domingo, dia 12 de julho, às 19 horas.

O evento temático, que está sob coordenação do Diretor de Carnaval da escola, Flávio Mello, vai acontecer no Teatro Rival - Cinelândia - Centro do Rio, e será restrito a imprensa e convidados.


Na programação, o Grupo Vibrasamba abre a noite

A apresentação do enredo será realizada pelo carnavalesco da escola, Lane Santana, seguida do show da Alegria da Zona Sul: bateria, passistas, casal de mestre-sala e porta-bandeira, velha-guarda, baianas e demais segmentos, dando o ponta-pé oficial para o carnaval de 2010 da vermelha e branca de Copacabana.

A festa continua com a apresentação de vários intérpretes convidados: Dominguinhos do Estácio (Imperatriz), Quinho (Salgueiro), Luizito (Mangueira), Ito Melodia (União da Ilha), Gilsinho (Portela), Wantuir (Grande Rio) e Bruno Ribas (Unidos da Tijuca) irão ilustrar a noite.
Texto: Divulgação
.
.
.

sábado, 4 de julho de 2009

Roda de samba da Rocinha dá o maior caldo

Escola de samba promove roda de samba neste domingo

Visando integrar cada vez mais a sua comunidade e os seus componentes, a Acadêmicos da Rocinha dará início neste domingo (05/07) a uma série de eventos em sua quadra até o carnaval 2010. O primeiro encontro de "Segmentos da Acadêmicos da Rocinha” acontecerá no domingo, a partir das 14h, com uma roda de samba de primeira. Para esquentar o friozinho serão colocados à venda vários tipos de caldo, a entrada custa R$ 5,00, com direito a uma lata de cerveja ou refrigerante.

E para não deixar ninguém parado, apresentações do Grupo Nossa Raiz, Grupo Nossa Identidade e o batuque nota 10 da bateria do Mestre Maurão. Além da coroação da Musa da Ala dos Compositores. Os caldos darão lugar à feijoada, uma vez por mês, a partir de agosto (segue abaixo a programação), sempre às 12h.


Veja as datas da feijoada

09 de agosto
06 de setembro
04 de outubro
08 de novembro
06 de dezembro

Texto: Divulgação
.
.
.

quinta-feira, 2 de julho de 2009

Feijoada da Tuiuti tem gostinho de sinopse

A escola de samba Paraíso do Tuiuti convida toda a comunidade para sua feijoada, no dia 12 de julho, às 13h. Com uma homenagem a todos os blocos carnavalescos de São Cristóvão, a feijoada também levará um tempero todo especial de sinopse. O carnavalesco Eduardo Gonçalves fará a entrega da sinopse do carnaval 2010. Ainda sem título, o enredo fará uma homenagem a Sérgio Cabral que muito contribuiu para o carnaval carioca.

Para a festa ficar completa, representada pelo presidente Renato Thor, a Paraíso do Tuiuti também homenageia os destaques que abrilhantaram o desfile em 2009. Além das presenças já confirmadas de segmentos da agremiação, o evento conta com a animação de grupos de pagode, DJ tocando flash back e o ritmo alucinante da bateria do mestre Ricardinho.

O endereço da quadra da Tuiuti é Campo de São Cristóvão, 33 - São Cristóvão (próx. à Feria de Tradições Nordestinas).

Entrada: R$ 3,00 (com direito a sorteio de brindes)
Feijoada: R$ 10,00
Informações pelo tel. 2585 5586 (no período da tarde).


Confira a programação

12/07 - feijoada com entrega da sinopse, às 14h
17/07 - o carnavalesco tira dúvidas sobre o enredo com os compositores, às 19h
21/07 - correção do samba, às 19h
28/07 - correção do samba, às 19h
10/08 - entrega do samba enredo, às 19h
14/08 - apresentação dos samba, às 22h

Os eventos acima acontecem na quadra da agremiação.
.
.
.

Nova edição da feijoada portelense

Boa pedido para os fã de samba. A Portela realiza neste sábado mais uma
edição de sua feijoada, a partir das 13h. A programação musical terá início
com o grupo Sala de Visita e, logo em seguida, será a vez da Velha Guarda
Show se apresentar, relembrando grandes clássicos do mundo do samba.

Os convidados desta edição serão os compositores do Quintal do Pagodinho,
acompanhados pelo grupo Nossa Fé. Para encerrar a festa, o grupo Eterno
Astral subirá ao palco para apresentar seu repertório com muito ritmo e
animação. Para quem desejar degustar a feijoada, a dica é chegar cedo. O
ingresso para o evento custa R$ 7. O prato da iguaria é servido a R$ 10. A
quadra da Portela fica na Rua Clara Nunes, nº 81, em Madureira.
Texto: Divulgação
.
.
.

terça-feira, 30 de junho de 2009

Alegria da Zona Sul tranfere divulgação de enredo

A festa de lançamento do enredo da Alegria da Zona Sul sofreu modificações na organização. Além de ser transferida para o dia 12 de julho, a mesma será realizada no Teatro Rival, na Cinelândia.

Durante o evento, o carnavalesco Lane Santana fará a divulgação do enredo que a escola leva para a avenida em 2010.

A festa será restrita a imprensa e convidados.
.
.
.

terça-feira, 23 de junho de 2009

Alegria da Zona Sul comemora 17 anos no sábado

O aniversário da escola Alegria da Zona Sul será comemorado no próximo dia 27 de junho. Nascida da fusão dos dois principais blocos da região, o Unidos do Cantagalo e o Alegria de Copacabana, a agremiação foi fundada há 17 anos, e há 07 desfila na Marquês de Sapucaí.

Uma missa dará início à comemoração, às 20:00h. Logo após, o Grupo Vibrasamba e a bateria dos mestres Tabaco e Claudinho Tuiutí animam a festa. Estão confirmadas também outros segmentos da escola, como o casal Naninha e Feliciano, baianas, velha-guarda, passistas e toda a comunidade da agremiação. Para encerrar a noite, o show do cantor Bebeto com a Super Banda B promete agitar a vermelha e branca de Copacabana, relembrando seus grandes sucessos e fazendo todo mundo dançar.

O evento acontece na quadra da agremiação, que fica na Estrada do Cantagalo – 176 – Copacabana. A entrada é gratuita.
.
.
.

Confira a Ordem de Desfile da Associação para 2010

No Grupo Rio de Janeiro I, antigo Grupo B, a União do Parque Curicica, por ter sido vice-campeã, teve o direito de escolher sua ordem no desfile. As demais escolas pareceram satisfeitas com suas colocações.

A Associação das Escolas de Samba, estará estudando durante o mes de julho em reuniões plenárias, as mudanças no regulamento para 2010.


Ordem de desfile do Grupo Rio de Janeiro I (antigo Grupo B)
  1. Mocidade de Vicente de Carvalho
  2. Flor da Mina do Andaraí
  3. Arranco
  4. União de Jacarepagua
  5. Tradição
  6. União do Parque Curicica
  7. Boi da Ilha
  8. Sereno de Campo Grande
  9. Alegria da Zona Sul
  10. Sossego
  11. Lins Imperial
  12. Unidos do Jacarezinho
Ordem de de desfile do Grupo Rio de Janeiro II (antigo Grupo C)
  1. Acadêmicos do Dendê
  2. Arrastão de Cascadura
  3. Acadêmicos da Abolição
  4. Unidos de Manguinhos
  5. Difícil é o Nome
  6. Vizinha Faladeira
  7. Unidos do Cabuçu
  8. Unidos da Ponte
  9. Acadêmicos do Engenho da Rainha
  10. Unidos de Vila Santa Teresa
  11. Unidos de Vila Kennedy
  12. Independente da Praça da Bandeira
  13. Coração Unido do Amarelinho
  14. Unidos de Cosmos
Ordem de desfile do Grupo Rio de Janeiro III (antigo Grpo D)
  1. Mocidade Unida de Jacarepagua
  2. Imperial
  3. União de Vaz Lobo
  4. Delírio da Zona Oeste
  5. Em Cima da Hora
  6. Unidos de Lucas
  7. Unidos de Villa Rica
  8. Favo de Acari
  9. Rosa de Ouro
  10. Gato de Bonsucesso
  11. Mocidade Unida do Santa Marta
  12. Mocidade Independente de Inhaúma
  13. Unidos do Anil
  14. Acadêmicos de Vigário Geral
  15. Unidos do Cabral
Ordem de desfile do Grupo Rio de Janeiro IV (antigo Grupo E)
  1. Leão de Nova Iguaçu
  2. Arame de Ricardo
  3. Unidos do Uraiti
  4. Unidos do Sacramento
  5. Paraíso da Alvorada
  6. Infantes da Piedade
  7. Boêmios de Inhaúma
  8. Canários das Laranjeiras
.
.
.
Neila Pedrosa

domingo, 21 de junho de 2009

Papo cultural no Arranco será no próximo sábado

O G.R.E.S. Arranco do Engenho de Dentro realiza o Segundo Papo Cultural. O encontro, que acontece no dia 27 de junho, tem por objetivo debatr o tema "Os grupos de Clóvis e o Frevo no carnaval carioca".

São presenças confirmadas os diretores do Grupo Enigma (tradicional grupo de Clóvis de Marechal Hermes) e o Frevo Prato Misterioso (inclusive apresentando seu grupo de dança).

O debate será na quadra de ensaios da escola, que fica na Rua Adolfo Bergamini, 196 - Engenho de Dentro. O horário ainda não foi confirmado.
.
.
.

sábado, 20 de junho de 2009

Sorteio da ordem de desfiles do Grupo Rio de Janeiro acontece hoje

O sorteio da ordem de desfile para o carnaval 2010 das Escolas de Samba da Associação das Escolas de Samba da Cidade do Rio de Janeiro (AESCRJ) acontece na noite de hoje, a partir das 20 horas, na quadra do G.R.E.S. União do Parque Curicica.

Na ocasião, a AESCRJ vai premiar as agremiações vencedoras dos Grupos Rio de Janeiro I, II, III, e IV. As escolas Unidos de Padre Miguel e Acadêmicos do Cubango animam a festa com o Grupo Cubango Samba Show. A abertura do evento fica por conta do Grupo Ta Bom à Bessa.

A noite de Gala do Grupo de Acesso será exclusivamente para as escolas e Sambistas dos Grupos em questão e eventuais convidados. Convites individuais serão solicitados na entrada. Pede-se traje esporte fino.
.
.
.

sexta-feira, 19 de junho de 2009

LESGA tem novas regras para 2010

Ficou decidido em reunião plenária da LESGA na última quarta-feira:

- A entidade não fará festa de apresentação de enredo para o Grupo de Acesso. Se houver interesse, cada agremiação fará sua própria festa para lançamento.

- A apuração será na terça-feira de carnaval e não na quarta-feira de cinzas.

- O número de carros alegóricos permanece o mesmo - entre 3 e 5, sendo que só será permitido 1 carro acoplado.

- Não será permitido tripé e nem "pede passagem".

A LESGA ainda está definindo outras posições que serão decididas em próximas reuniões.
.
.
.
Neila Pedrosa

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Reforço na ala de destaques da Alegria da Zona Sul

Eles são os responsáveis pelas fantasias grandes e luxuosas das escolas e compõem o cenário dos carros alegóricos. Os destaques são artistas que trabalham o ano inteiro para dar vida ao brilho do carnaval.

Foi pensando nisso que a Alegria da Zona Sul traz para o seu time de destaques figuras como Ricardo Ferrador (Destaque S@mba Net 2007 pelo Grupo B) e Ronaldo Barros, destaque no Salgueiro, e que vem coordenar a ala de destaques da escola.

Para Regis Kammura, 1º Destaque da Alegria da Zona Sul, a chegada dos novos artistas e a divisão dos trabalhos com Ronaldo Barros é bem-vinda: “- Estou muito feliz com essa comissão”, comemora.


Festa dos Destaques

Para reunir os destaques que brilham no carnaval, a Alegria da Zona Sul vai realizar no dia 30 de agosto, a partir das 14 horas, a Festa dos Destaques, sob organização de Ronaldo Barros e Regis Kammura. O local ainda será definido pela escola.
Texto: Divulgação
.
.
.

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Arraial do Tuiuti com Festrilha de Santo Antonio

Atenção pessoal!

A Primeira semifinal do Encontro de Quadrilhas da "Festrilha de Santo Antonio" acontecerá nos dias 20, 21 e 27, 28 - os dois últimos finais de semana do mês de junho, na quadra de ensaios do G.R.E.S. Paraíso do Tuiuti. Aos sábados às 21:00 h. e aos domingos às 18:00 h.

Na programação, além da apresentação das quadrilhas, comidas típicas juninas, brincadeiras e muita animação.

O endereço da quadra é Campo de São Cristovão, 33 - em frente a entrada principal da Feira de Tradições Nordestinas.
.
.
.
Neila Pedrosa

terça-feira, 16 de junho de 2009

Escola Manoel Dionísio em Porto Alegre

A Escola de Mestre-Sala, Porta-Bandeira e Porta-Estandarte comandada por Manoel Dionísio chega ao Rio Grande do Sul. Instrutores da Escola realizarão nos próximos dias 20 e 21 de junho oficinas de dança do bailado do casal de bailarinos e casais das escolas de samba da região.

As aulas serão realizadas na Academia Mudança, em Porto Alegre, e fazem parte do Projeto Samba no Pé e na Alma, coordenado por Ana Marilda Bellos, coreógrafa da escola de samba Império da Zona Norte, na capital gaúcha.

Ministram as oficinas Manoel Dionísio, presidente da escola; Viviane Ramos, integrante da equipe de instrutores; e Raphael Rodrigues, mestre-sala da Estação Primeira de Mangueira e instrutor da Escola.

O curso compreende desde a parte teórica, como a história e importância do casal de mestre-sala e porta-bandeira no carnaval, até a parte prática, dos passos simples às coreografias de Avenida.
Texto: Divulgação.
.
.
.

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Alegria da Zona Sul monta Comissão de Harmonia

Em busca de reforços para a diretoria da escola, a Alegria da Zona Sul continua a trazer mais profissionais para o seu próximo carnaval. Pensando nisso, a escola chamou seis experientes profissionais para deixar os seus componentes preparados para o desfile e delegou funções. André Luiz assume como o novo Diretor de Eventos da escola; José Carlos é o novo Diretor de Evolução; Gilberto, Diretor de Conjunto; Tuninho, Diretor de Canto; Alexandre, Vice-Diretor Geral de Harmonia; e André Valle é o novo Diretor Geral de Harmonia da vermelha e branca de Copacabana.

Sobre a responsabilidade de estar à frente dessa turma, André Valle diz: “- Fiquei muito feliz com o convite para assumir a harmonia da Alegria da Zona Sul. Espero corresponder às expectativas, fazendo com que a escola seja sempre harmônica com a sua comunidade”.

No carnaval de 2009, André Valle integrou a harmonia da Imperatriz Leopoldinense, da União da Ilha (campeã do Grupo A) e da Flor da Mina (vice-campeã do Grupo C).
Texto: Divulgação
.
.
.

G.R.E.S. Alegria da Zona Sul Faz 17 Anos

No dia 27 de junho - sábado, a Alegria da Zona Sul completa 17 anos e convida a todos para comemoração, a partir das 22:00 h., em sua quadra de ensaios, na Estrada do Cantagalo, 176 em Copacabana. Vale a pena conferir.

Desejamos a esta agremiação sucesso sempre crescente.

Parabéns.

.
.
.
Neila Pedrosa

quinta-feira, 11 de junho de 2009

Bambas do Curuzu fazem festa junina

Quinta-feira, 11 de junho de 2009

O Bloco Carnavalesco Bambas do Curuzu de São Cristovão, realiza sábado dia 13/06 a partir das 18:00 h. festa junina em homenagem a Santo Antonio, em seu espaço de encontro na esquina da rua Jansen de Melo com rua Curuzu.

A diretoria do bloco e o presidente Paleba, garantem a diversão com muita música e dança de quadrilha.

Estamos todos convidados.
.
.
.
Neila Pedrosa

terça-feira, 9 de junho de 2009

Domingo festivo no Bingo Junino da Tuiuti

Música de primeira qualidade e muita animação. Esses foram o tempero para o Bingo Junino que aconteceu no último domingo na quadra da Paraíso do Tuiuti. A tarde também contou com apresentações de grupo de pagode, Dj, da bateria do mestre Ricardinho e passistas. A escola recebeu ainda a Velha Guarda do Salgueiro, que homenageou a agremiação de São Cristóvão.

Para a alegria da Tuiuti, a comunidade compareceu em massa. "É uma satisfação muito grande ver a quadra assim. Fico feliz que pudemos proporcionar uma tarde agradável para nossa comunidade", disse Jorge Honorato, vice-presidente da agremiação.

E para a animação ficar completa, além dos prêmios do bingo, houve concurso de dança, do qual casais se revelaram verdadeiros dançarinos.






Fotos: Roberto M. Filho (robertomfilhofotog@yahoo.com.br)
.
.
.

segunda-feira, 8 de junho de 2009

Fui, vi e vou te contar.

Muito bom o Primeiro Encontro de Ritmistas que aconteceu na quadra da Alegria da Zona Sul, neste sábado dia 06/06.

Claudinho Tuiuti e Tabaco, os mestres de bateria da agremiação, receberam na quadra seus convidados com grande carinho, sem falar no churrasco que estava da melhor qualidade. O ponto alto do encontro foi a apresentação da bateria, mostrando o belíssimo trabalho desenvolvido junto aos ritmistas, comprovando que a Alegria da Zona Sul tem em sua bateria um forte elemento para o carnvaval 2010.

Também presentes ao evento o presidente Marquinhos, o carnavalesco Lauro Santana e o diretor de carnaval Flávio, que contou que a agremiação vem com um carnaval de grande repercurssão, resultante da colaboração, respeito e receptividade do trabalho que está sendo desenvolvido entre os diversos seguimentos da escola.
.
.
.
Neila Pedrosa

domingo, 31 de maio de 2009

Bateria da Alegria da Zona Sul ganha reforço

Foto: Divulgação
Mestre Claudinho Tuiuti é a nova aposta da escola de samba Alegria da Zona Sul em bateria. Claudinho vai trabalhar ao lado do atual comandante, Mestre Tabaco. Confiante, Claudinho Tuiuti já sabe qual é sua missão. “Venho buscar mais cadência e ousadia na bateria da Alegria”, diz ele que conta com a aprovação do novo companheiro de trabalho.“Recebo o Claudinho de braços abertos. Vai ser uma parceria boa”, fala Tabaco.

Para começar o trabalho com força total, a escola recruta novos ritmistas que vão compor a bateria. Atividades têm início com os ensaios técnicos no próximo dia 11. Os encontros serão sempre às 19:00h, na quadra da agremiação.

Encontro de Ritmistas

No próximo sábado, dia 06 de junho, às 15:00h, acontece o Primeiro Encontro dos Ritmistas, uma reunião com todos os mestres, diretores e integrantes da bateria. O evento acontece na quadra da Alegria.

O endereço da quadra é Estrada do Cantagalo, 160 – Copacabana.
.
.
.

Definida a ordem de desfile do Grupo de Acesso

Em festa na quadra da União da Ilha do Governador, escola campeã do Grupo de Acesso, a LESGA definiu no dia 30/06 a ordem de desfile do grupo para o Carnaval 2010.

Padre Miguel e Cubango, campeões do grupo Rio de Janeiro 1, sortearam entre si quem abrirá o desfile, enquanto que a Renascer de Jacarepaguá, por ter sido a vice-campeã do grupo, escolheu a sua posição.

As 12 escolas ficaram assim posicionadas:

1 - Padre Miguel
2 - Império Serrano
3 - Império da Tijuca
4 - Paraíso do Tuiuti
5 - Inocentes de Belford Roxo
6 - Renascer de Jacarepaguá
7 - Caprichosos de Pilares
8 - São Clemente
9 - Academicos de Santa Cruz
10- Academicos da Rocinha
11- Estácio de Sá
12- Cubango

Segundo o presidente da LESGA, Reginaldo Gomes, em acordo firmado entre a Riotur, a Associação das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (ASCERJ) e a LESGA, ficou definido que, em 2010, duas escolas do Grupo de Acesso descerão para o Grupo Rio de Janeiro 1, e uma será promovida para o Grupo de Acesso, o mesmo acontecendo no Carnaval de 2011. Em 2012, somente 10 escolas desfilarão na LESGA.
.
.
.
Postado por Neila Pedrosa

quarta-feira, 27 de maio de 2009

Escola de Manoel Dionísio promove “Contos de Bamba”

A Escola de Mestre-Sala, Porta-Bandeira e Porta-Estandarte comandada por Manoel Dionísio vai promover sempre aos últimos sábados de cada mês, para os alunos e responsáveis, palestras com personalidades do samba. São os “Contos de Bamba”.

O objetivo desses encontros é enriquecer o conhecimento teórico dos alunos: “A parte prática a gente já tem, agora vamos levar um pouco das experiências e vivências de pessoas relacionadas ao carnaval para a Escola”, diz Manoel Dionísio.

Neste sábado, dia 30 de maio, quem fará a estréia do ciclo mensal de palestras será Aloy Jupiara, que é jornalista, pesquisador do Centro Cultural Cartola e integrante do júri do Estandarte de Ouro. Aloy irá falar sobre a sua carreira, as pesquisas que desenvolve e as suas experiências no carnaval.

A Escola de Mestre-Sala, Porta-Bandeira e Porta-Estandarte funciona todos os sábados, das 14 às 18 horas, no Ginásio da Passarela do Samba, setor 2.
Texto: Divulgação
.
.
.

domingo, 24 de maio de 2009

Feliciano e Naninha formam o novo casal da Alegria da Zona Sul

“- Esse ano a Alegria vai formar um casal. Vamos procurar talentos que se destacam individualmente”. Essas foram as palavras do presidente Marcus de Almeida quando pensou na contratação do novo casal de Mestre-Sala e Porta-Bandeira para a Alegria da Zona Sul. Pouco tempo depois, Feliciano e Naninha já diziam “sim” à vermelha e branca.

Feliciano é aluno da Escola de Mestre-Sala, Porta-Bandeira e Porta-Estandarte de Manoel Dionísio. Começou a dançar na Nova Geração do Estácio e por dois anos defendeu o pavilhão da Paraíso do Tuiutí. O jovem Mestre-Sala se destaca principalmente pela leveza dos seus movimentos. E fala sobre a sua ida para a escola: “- Estou me sentindo em casa”.

Naninha Fidellys já tem vasta experiência no carnaval. Começou a dançar com oito anos de idade na Beija-Flor, passou por várias escolas e há 8 anos defendeu a bandeira da União de Jacarepaguá. Em 2000, ganhou o prêmio S@mba Net pelo Grupo B. E forma com Feliciano, o novo casal da escola: “- Estou ansiosa, com o pensamento de fazer um trabalho bacana com a escola e com o Feliciano. Entrar e sair da Avenida com 10”.

As novas contratações da Alegria da Zona Sul serão apresentadas à comunidade no próximo dia 27 de junho, na festa de aniversário da escola.
Texto: Divulgação
.
.
.

Maurício Mattos é reeleito presidente por aclamação na Rocinha

Empresário comandará a escola de samba durante o triênio 2009-2012

O empresário Maurício Mattos foi reeleito por aclamação para o próximo triênio (2009-2012) para a nova diretoria executiva da agremiação. A Assembléia Geral Ordinária foi realizada na noite de sexta-feira (22/05), na quadra da escola de samba, em São Conrado. O pleito aconteceu com chapa única formada pelo presidente Maurício Mattos e pelo vice Déo Pessoa. A direção tem como desafio construir uma quadra nova e levar a Acadêmicos da Rocinha de volta ao Grupo Especial, no carnaval 2010.

"O carnaval significa para mim competência de trabalho, sonhos e fantasias. É com muito entusiasmo que me preparo para administrar por mais três anos a escola de samba do meu bairro. Será mais um desafio, que teremos pela frente. A Acadêmicos da Rocinha se modernizou durante esses anos, se transformou em uma escola de vida, garantindo melhorias na qualidade de vida e elevação da auto-estima dos moradores do bairro e da comunidade”, acreditou Maurício Mattos.

"Os nossos objetivos são construir uma quadra nova, que possa atender da melhor maneira todas as necessidades do Núcleo Social Qualificar, os ensaios e as atividades de carnaval da agremiação. Além é claro, fazer desfiles competitivos e reconquistar a nossa vaga no Grupo Especial”, completou o presidente, que terá o seu terceiro mandato a frente da Acadêmicos da Rocinha. Maurício Mattos assumiu a presidência da Borboleta em 2003 e durante o seu mandato a escola desfilou pela segunda vez, em 21 anos de sua história, no Grupo Especial (2005).

Durante a sua gestão foi criado em 2005 o Qualificar, Núcleo de Responsabilidade Social da Acadêmicos da Rocinha, que através do projeto Arte Cidadã tem como objetivo criar oportunidades de inclusão social para adolescentes, jovens e adultos da comunidade da Rocinha, Vidigal, Canoa, Parque da Cidade e arredores que vivem em situação de vulnerabilidade pessoal e risco social. Além de melhorar a qualidade de vida dos seus alunos, possibilitando a participação cidadã na vida social e econômica do país. Transformando a Acadêmicos da Rocinha em mais do que uma escola de samba, uma escola de vida.

"Acima da paixão que temos pela escola de samba e o carnaval, enquanto administradores, devemos trabalhar o lado social com responsabilidade e transformar positivamente a vida das pessoas e de uma comunidade. Agradeço os votos de confiança dos sócios, componentes e da comunidade que reconhece o nosso trabalho”, disse Déo Pessoa que aproveitou a ocasião para comemorar os seus 37 anos completados nesta sexta-feira (22/05).

A quadra da escola recebeu além dos sócios, componentes e moradores da comunidade que acompanharam e festejaram juntos a reeleição, entre eles estava Ivan Martins, presidente que antecedeu a atual administração.
Texto: Divulgação
.
.
.

quinta-feira, 21 de maio de 2009

Muita animação na Feijoada da Clementina

Jorginho do Império, Grupo Senzala, Andréa Caffé, Conceição de Almeida, Bateria Show da São Clemente e Impérpretes de Samba são presenças confirmadas na Feijoada da Clementina, promovida pela São Clemente. A festa acontece no próximo dia 06, às 13h, na quadra da agremiação. Nos intervalos, haverá apresentação de pocket-show.

A quadra do GRES São Clemente fica na Av. Presidente Vargas, 3.102 – Centro. Informações pelo e-mail contato@feijoadadaclementina.com.br ou pelos telefones: Diego Mendes - (21) 7894-4345; Miríades - (21) 7894-2317; Clovis Pê - (21) 7821-7667.
.
.
.

Atenção na agenda do Arranco

30/05 - Papo Cultural, com o tema A Origem do Carnaval de Rua e Suas Transformações, às 15h;

31/05 – Carnaméier, em comemoração ao aniversário de Méier, às 12:00h;

06/06 - aniversário da banda do Engenho de Dentro, às 14:00h;

07/06 - apresentação do enredo 2010 , a partir de 14:00h;

13/06 - Arráia da Comunidade Maranathá, às 17:30h.

os eventos acontecem na quadra da escola, que fica na Rua Adolfo Bergamini,196 – Engenho de Dentro.
Informações: 7899-6193 / 7811-4415.
.
.
.

Londres no carnaval carioca

A BBC de Londres visitou o Espaço do Centro Cultural Carnaval e Cidadania na última quarta-feira (20) para a gravação de um programa sobre o carnaval carioca.

Entre vários locais de filmagem, como a Cidade do Samba, as gravações no Sambódromo e no Espaço Carnaval e Cidadania serviram de cenário para abordar o palco do samba carioca e sobre o bailado do casal de Mestre-Sala e Porta-Bandeira.

Através de Manoel Dionísio, do Mestre-Sala Raphael (Mangueira) e da Porta-Bandeira Michele (Jacarezinho) os telespectadores europeus vão poder conhecer sobre a Escola de Mestre-Sala, Porta-Bandeira e Porta-Estandarte que acontece no local e do qual tanto Raphael quanto Michele fazem parte, além da arte da dança do casal e da emoção e responsabilidade de defender um pavilhão na Avenida.
.
.
.

Homenagem à bateria da Beija-Flor

A bateria da Beija-Flor Nilópolis será laureada com o troféu Jorginho PQD, juntamente com os grupos Pique Novo, Swing&Simpatia, os sambistas Marquinhos Satã, Bruno Maia, o colunista Kiko Alves (Meia-Hora), José Alceu (Teteu), produtor de Carnaval da Rede Globo de Televisão, e 0 prefeito de Nilópolis, engenheiro Sérgio Sessim.

A premiação será dia 7 de junho, a partir das 17horas, na Stillo Dance House (Rua João Pessoa, 2260 – Centro/Nilópolis).]
Texto: Divulgação
.
.
.

quarta-feira, 20 de maio de 2009

Flávio Mello na diretoria da Alegria da Zona Sul

Foto: Divulgação

A escola Alegria de Zona Sul ganha novo reforço. Flávio Mello agora integra a Diretoria de Carnaval da agremiação. Durante 3 anos ele desenvolveu seu trabalho na Lins Imperial.

Flávio já entrou no clima da Alegria. “Chegar à Alegria está sendo muito bom. Fui muito bem recebido, sem contar que a escola tem uma garra e uma equipe muito forte. As expectativas são as melhores, estou muito confiante”, diz. “Esse ano estamos reforçando a casa em prol de ganhar o carnaval. Temos grandes escolas no grupo. Mas já está na hora da comunidade da Alegria ser campeã”, conta.

Além de dirigir o carnaval da escola, Flávio Mello vai atuar junto ao futuro carnavalesco da agremiação, auxiliando no desenvolvimento do enredo.
.
.
.

terça-feira, 12 de maio de 2009

Escola do mestre Manoel Dionísio reinicia aulas

A partir do próximo sábado, dia 16 de maio, recomeçam as aulas e ensaios da Escola de Mestre-Sala, Porta-Bandeira e Porta-Estandarte sob o comando do Mestre Manoel Dionísio.

A primeira escola de formação de casais do Rio de Janeiro está há 18 anos instruindo futuros dançarinos que irão conduzir as bandeiras das escolas de samba.
A Escola funciona aos sábados, das 14 às 18 horas, no Sambódromo (setor 2), e atende crianças a partir dos 4 anos, adolescentes, 3ª idade e pessoas com necessidades especiais.

Para os que desejam ingressar na Escolinha, é preciso fazer a inscrição. Para isso, basta comprar duas camisetas do Projeto.
As aulas são gratuitas.

Ainda no local, funciona diariamente o Espaço do Centro Cultural Carnaval e Cidadania em parceria com a AMEBRAS. Lá são vendidos presentes e lembranças de carnaval. A visitação ao Espaço também é gratuita.

Texto: Divulgação
.
.
.

quarta-feira, 6 de maio de 2009

Alegria da Zona Sul faz festa no Dia das Mães

A Alegria da Zona Sul realiza, no próximo dia 10, um Domingueira especial para o Dia das Mães, a partir das 14 horas. Serão distribuídos brindes às mães presentes no evento.

Com entrada franca, haverá participação do Grupo Delírio e do Grupo Nosso Sentimento, que fará o lançamento do seu mais novo CD.

A quadra da escola fica na Estrada do Cantagalo, 160 – Copacabana.
.
.
.

Santa Cruz elege novo presidente no dia 20

Acadêmicos de Santa Cruz realiza no próximo dia 20 eleição para escolha da nova presidência da escola, que ficará na direção até o Carnaval de 2011. Atual presidente, Moysés Antônio Coutinho, o Zezo, vai tentar a reeleição na agremiação.

Os interessados em concorrer ao cargo devem inscrever suas chapas até o dia 10 de maio. O pleito acontece na quadra da escola, a partir de 17h.
.
.
.